Páginas

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

O que fazer nas férias #1

Eu sei que eu estou meio atrasada mas quem aqui gosta de seguir cronogramas? eu não (só as vezes) então meu post de natal saiu atrasado e agora que quase todo mundo esta postando sobre o ano que começa daqui a dois dias la vem eu fazer um post de incentivo a levantar da cama e fazer uma coisa nova nas férias
Sabe o que eu fiz pela primeira vez nessas férias? coloquei um brinco na cartilagem, mas não só isso, na semana seguinte tomei coragem, lembrei dos tutoriais que eu já tinha assistido, respirei fundo, peguei álcool, gelo, algodão e um brinco de ponta e fiz meu segundo furo no lóbulo da orelha em casa, das duas, aliás. Então se você sempre teve vontade de colocar alargador, fazer um furo em casa ou furar a cartilagem, e acha que tem auto-controle pra isso por que não aproveitar seu tempo livre?

Não tem segredo, pra alargar você precisa de um alargador de espiral (pelo menos é o jeito mais fácil) antisséptico e água oxigenada são ótimos pra manter o furo sempre limpo e o ideal é sempre deixar a pele se acostumar totalmente com o tamanho do furo pra aumentar mais, não ficar mexendo no alargador e limpar 3 vezes por dia quando estiver machucado, lavar com água quente no banho, se vocês acharem melhor fazer com um profissional vão em frente.

Não tenho muito o que dizer sobre os brincos de cartilagem, eu coloquei na farmácia, quase não dói, só não pode ficar mexendo, tem tutoriais no youtube mas eu preferi não arriscar por enquanto, cada um tem seu limite, vocês têm que saber o que vocês são capazes de fazer sozinhos e não fazer nada pra impressionar ou por impulso, nada sai perfeito de primeira, mas não tente até se sentir preparado.
Sobre o do lóbulo, lembra quando eu disse que nada sai perfeito de primeira? meus furos ficaram meio tortos, e por enquanto eu só arrumei um, ai vai como eu fiz, assisti tutoriais no youtube, limpei a mão, a orelha, o brinco e o fecho com álcool, depois coloquei um pedaço de algodão com álcool de um lado do gelo e encostei no lóbulo por trás, apertei o gelo contra o lóbulo por um tempo até sentir que já estava gelado até o outro lado. Sem tirar o gelo de trás comecei a pressionar a ponta do brinco no lugar que eu queria o furo, apertei até atravessar a camada mais grossa de pele (eu não senti dor, por causa do gelo, mas acho que é a mesma coisa da tatuagem, cada pessoa tem uma sensibilidade diferente) tirei o gelo e coloquei o dedo atrás pra sentir a ponta do brinco, tive que apertar um pouco mais pro brinco atravessar a ultima camada mais fina de pele, coloquei e fecho e pronto. Eu tenho limpado só com água oxigenada, duas vezes por dia e não tive nenhum problema, é importante usar brincos feitos especificamente para furos, eu usei o que eu comprei quando furei a cartilagem, o material tem que ser ouro , prata ou titânio, ou pelo menos folhado, outros materiais podem causar inflamações.

Era isso amores, espero ter incentivado vocês a fazer algo diferente e quem sabe até ajudado de alguma forma, vou fazer outros posts desse tipo, digam o que acharam nos comentários

sábado, 27 de dezembro de 2014

Cover: Clarice Falcão - Oitavo Andar

Mais alguém ai curte as composições da linda da Clarice Falcão? Quem me conhece sabe que eu amo, e como eu cresci estudado musica (no Centro de Ensino Artístico da minha cidade, onde eu tava dando aula esse ano) eu também ando participando de alguns festivais de musica e dessa vez rolou vídeo, querem ver?
        

Desculpem a qualidade do vídeo, é que minha câmera não é profissional nem nada e quem ta filmando sempre fica mexendo no zoom pra tentar focar, e não adianta.

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Tag: Natal em livros!

Bem a tempo hein? Eu juro pra vocês que esse vai ser o ultimo vídeo que eu vou gravar com a web cam. Bom essa tag foi criada pela Gabi do blog Frases Perdidas, se vocês quiserem ver a original cliquem aqui.

O video ficou meio longo mas eu juro que vale clicar no play só pela introdução pra rir um pouquinho, espero que vocês gostem :)


        

PERGUNTAS DA TAG
Árvore de Natal - Um livro com capa bonita
Ceia - Um livro com enredo recheado
Panettone - Um livro amado por uns e odiado por outros
"É pavê ou pacomê?" - Um livro que está abandonado na estante
"E os namorados?" - Um livro que você namorou por muito tempo na livraria até finalmente comprar 
Amigo Secreto - Um livro que te surpreendeu
Presente - Um livro que te deixou feliz
Papai Noel - Um livro para dar de presente

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Li até a página 100 e...



Olá pessoas, como estão? resolvi começar essa sessão no blog, pra atualizar minhas leituras mais rápido. Recebi esse livro da editora Gutenberg pra resenhar no blog ( e logo que terminar vou fazer) e li até a página 100, vamos ver o que eu achei?

PRIMEIRA FRASE DA PÁGINA 100:
"Assim que a porta se fechou atrás de Genya, senti a exaustão cair sobre mim"
DO QUE SE TRATA O LIVRO? 
 Alina vive em um mundo onde algumas pessoas possuem habilidades especiais (que não chamaremos de mágica porque eles não gostam do termo), mas ela não fazia parte desse grupo de pessoas, era uma aprendiz de cartógrafa do Primeiro exército, até que um dia um poder muito raro se revela em Alina, e todos acreditam que a solução para  guerra se encontra nela, agora Alina foi levada até o rei e logo iniciará seu treinamento.
O QUE ESTÁ ACHANDO ATÉ AGORA?
Maravilhoso, fazia tempo que eu estava com vontade de ler algum livro de fantasia mas não tinha nada novo na estante, eu quero saber o que vai acontecer com Alina e como ela vai lidar com essa vida totalmente nova.
O QUE ESTÁ ACHANDO DA PERSONAGEM PRINCIPAL?
Alina é muito palpável, é uma "mortal" que de repente se torna a pessoa mais importante do seu país, ela tem suas inseguranças, dúvidas e saudades, e me convence do personagem que é.
MELHOR QUOTE ATÉ AGORA:
"Eu não estou acostumada com gente tentando me matar"
"Sério? Eu nem dou mais atenção"
VAI CONTINUAR LENDO?
Com certeza.
ÚLTIMA FRASE DA PÁGINA:
"Talvez eu acordasse na manhã seguinte e descobrisse que tudo tinha sido um sonho."

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

De onde veio a cultura dos alargadores?

Oi, aqui é a Bê, tudo bem com você?
Eu estava aqui fazendo um penteado inspirado em algumas personagens de The 100 e usando um alargador preto de espiral. Então comecei a pensar "esse alargador não vai combinar com esse penteado" mas ai eu comecei a lembrar dos personagens, que são selvagens, ele usam dreads, tranças, cabelos raspados, pinturas corporais permanentes (a gente chama de tatuagem kkkk), me diz o que combina com tudo isso? alargador! mas enfim, seguindo a linha de raciocínio me veio a curiosidade, de onde veio essa cultura de alargar o furo da orelha; porque as pessoas mais velhas que não gostam vêem isso como uma prática moderninha, de rebeldia e de auto mutilação, mas essa prática é muito antiga, eu lembrei que os índios sul americanos usam alargadores, desde quando os europeus chegaram querendo mandar em tudo. Esses conservadores deviam ser chamados de Europeus, porque a prática de alargar a orelha pode muito bem ser chamada de conservadora por descendentes de índios, mas enfim, kkk, pesquisei e acredita-se que no Egito antigo, antes mesmo da invenção da escrita já se usavam adereços na orelha e como usavam materiais pesados também alargava o furo. As tirbos indígenas sul americanas acreditam na lenda do Kamukuaká:
Uma criatura divina que era muito famosa entre os nativos do Mato Grosso, de acordo com a lenda o Kamukuaká não possuía umbigo devido não ter sido gerado apenas ter vindo de um lugar desconhecido e para compensar este fato ele decidiu furar suas orelhas em uma grande festa.A festa foi tão grandiosa que o sol ficou com inveja desta criatura, logo no meio da festa ele resolveu matá-la atirando-lhe flechas, mas como Kamukuaká era muito rápido ele desviou e as flechas furaram apenas suas orelhas, quando o povo viu a habilidade daquele ser ao se esquivar do próprio sol resolveram furar suas orelhas em homenagem a ele e até hoje os indígenas mato-grossenses realizam uma festa onde praticam uma cerimonia que lembra este episódio.Com o tempo esses buracos começaram a ser preenchidos com joias e em pouco tempo os índios começaram a utilizar alargadores, é claro que o uso deles tinha um significado, na tribo Kayapó por exemplo, o Botoque (alargador colocado no lábio inferior) é uma forma de demostrar que a pessoa tem o dom da oratória e quando colocam um alargador na orelha é porque acreditam que os ouvidos se tornam mais receptivos com ele e logo a pessoa se tornará mais sabia.
Os incas também foram grandes utilizadores dos alargadores de orelha, seus alargadores eram inseridos apenas nas pessoas de grande prestigio social, por causa disto os espanhóis apelidaram os nativos superiores de “orejones” (orelhudos) devido ao tamanho das orelhas alargadas. Muitas outras civilizações utilizaram esse adereço com a intenção de se distiguir socialmente, infelizmente é impossível saber quem foram os primeiros a iniciarem está cultura, mas os nativos americanos e africanos estão entre as opções mais prováveis, o que demostra mais uma vez o quão rica era a cultura desses povos.E isso foi o que eu aprendi pesquisando a partir da minha curiosidade, achei interessante compratilhar com vocês :)

Imagens do Weheatit.
Informações desse site


Comentem o que vocês acharam do post, se vocês já sabiam alguma coisa da histórias dessa cultura, se usam alargador
Beijoo :*