Páginas

terça-feira, 5 de agosto de 2014

Sobre fazer 18 anos

É,  pela primeira vez percebi que estou voltando da férias sem querer ser uma pessoa diferente da que eu era antes. Percebi que eu parei de tentar crescer e amadurecer -mais-. Eu percebi que essas coisas não acontecem do dia pra noite porque você completou 12,15 ou 18 anos -eu sempre soube disso. Mas quem não sabe o que é viver no automático e fazer o que os outros esperam de você?
Estou mais ambiciosa, é o que eu percebo. Sonhando com altas road trips,  planejando tomorrowland.
Nada me tira a vontade de fazer faculdade de psicologia
Estou ansiosa pra tirar carta, não achei que esse dia chegaria porque sempre tive medo de dirigir, mas depois de um bom tempo como ciclista um carro ou uma moto não seriam nada mal
Não me sinto mais responsável nem mais livre, muito menos mais alta, infelizmente.
 Já posso ser presa -legal hein- .
 Pois e, 18 anos, algumas histórias pra contar, algumas manias, alguns sonhos,  alguns clichês, alguns amores, mas nada diferente de ontem pra hoje

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e sinta-se abraçado (=