Páginas

domingo, 2 de fevereiro de 2014

Rawr!

Meu Deus que saco! eu odeio TPM odeio. Eu não era assim, eu odeio chorar por tudo, odeio ser menininha, odeio ficar triste. Por que minha tpm é assim?? Fico enjoada não quero nada do que eu costumo gostar, quero algo diferente que quebre minha rotina. Fico depressiva e remoendo todas as críticas que eu recebo a ponto de chorar. Gente como eu odeio ficar assim.

Eu não sei nem mais o que falar, antigamente escrever me fazia melhorar (meu deus isso foi uma rima?) Eu só queria um amor que quebrasse minha rotina. Minha rotina de solidão. Eu queria um astrônomo (sério) Alguém que me falasse sobre a infinidade do universo, e a grandiosidade das estrelas, a distância dos planetas... Aquilo além do que eu consigo enxergar.

Eu queria controlar meus horários, conseguir dormir mais cedo, programar meus estudos e seguir a programação, queria me ajeitar em um emprego logo, voltar a ler com frequência, por que ta tudo fora do lugar? Eu não to acostumada a ter que fazer meus horários, a escola sempre fez isso pra mim. E agora de repente estou livre, livre da escola e de quase todas as obrigações, mas não sei mais se eu quero isso.

Na verdade mas na verdade mesmo eu só vim escrever esse texto porque eu comprei um alargador branco de um carinha muito gente boa na feirinha da cidade ontem e agora ele não abre e eu não consigo tirar, e como eu to de tpm isso me fez chorar. Gente, como eu odeio tpm.

3 comentários:

  1. kkk amei seu texto, escreve mto beeeeeeem
    To seguindo aqui flor, pode retribui?
    Blog: http://ingridegoes.blogspot.com.br/
    Fan page: http://goo.gl/hNmEGx

    ResponderExcluir
  2. Como te entendo!
    Tbm odeio a tpm e por mais que tentemos, ela sempre vem nos pertubar!
    Como eu odeio a tpm também!
    Estamos juntas ;)

    ResponderExcluir
  3. Sei muito bem como é isso. Mas olha, vou te falar uma coisa, isso passa! - mesmo que seja apenas por um mês! E ah, sobre o namorado astrônomo, essa vontade também passa, ou pelo menos diminui. Acredite, eu já passei por isso e, mesmo não arrumando namorado, aquela solidão passou!

    Bê, te marquei numa tag lá no meu blog, confere lá!
    http://tudo-oquesou.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Comente e sinta-se abraçado (=