Páginas

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Você, você, você...

Eu nunca estive tão certa do meu amor por uma pessoa, nunca me senti tão exposta por meus sentimentos. E você consegue não perceber porque com você é assim, não se enconde os sentimentos, sentiu falou. E eu não consigo, eu escondo, eu minto, mas quando você ta disponível eu to sempre atras, eu sempre faço o que você quer sem você perceber, quando agente tem um ensaio de briga eu não consigo dormir, você foi o primeiro em muito tempo que me fez chorar, eu nem posso mentir, você merece meu amor. Mas de que adiantaria contar, se você me diz que são tantas que gostam de você, eu seria só mais uma. E eu não quero ser só mais uma, prefiro ser pelo menos uma amiga, única. Que droga, tudo o que eu escrevo é sobre você, você não sai da minha cabeça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e sinta-se abraçado (=