Páginas

sexta-feira, 16 de março de 2012

Lágrimas eternamente secretas

É, meus amores, lendo ao mesmo tempo Dom Casmurro e A menina que roubava Livros e me focando excepcionalmente nos estudos finalmente a minha inspiração deu sinal de vida, ai pra vocês um pequeno texto que eu escrevi no rascunho do celular espero que gostem :)
Logo eu, logo eu que sempre julguei controlar tão bem meus sentimentos, que sempre me calei e me impedi de sofrer por alguém que não valia a pena, agora estou aqui chorando, porque você não está aqui, acontece que você vale a pena e o pior é isso, porque não posso te ter aqui, minha vida não é um conto de fadas, sorte é para os fracos, eu luto pra conseguir o que quero e me conformo em não ter o que não depende de mim
Não conheço o significado dessas lágrimas e daquela dor que me consome por dentro quando te vejo com outra garota
Eu, logo eu que me julgava tão intelectual e diferenciada, que aceitava mas não entendia o fato das amigas sofrerem e chorarem tanto por algum garoto que só faz mal a elas.
Agora choro meia dúzia de lágrimas tímidas e eternamente secretas.
Te Amo


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e sinta-se abraçado (=