Páginas

sábado, 27 de agosto de 2011

Repostando : Passou


Infância, tempo feliz, melhor fase da vida...talvez.
Enquanto você vive não sente o peso que isso terá no futuro, não fica pensando nas consequências, só quer brincar, quer ser feliz, se chora é fome, é birra, é sono, não é amor, nem sofrimento, nem ferida de amizade, não é saudade. Não tem armas pra lutar, então a unica saída é usar o único recurso da infância, criar seu mundinho particular, usar e abusar da imaginação, seguir sem medo seu coração.
 Voar em um balanço, sentindo o vento no rosto, e quando 'mamãe' disser que é hora de ir, faz beicinho, arregala o olhinho, pede por favor pra brincar mais um pouquinho.
Diz "nunca mais" e "pra sempre" como se fosse o dono do mundo, como se controlasse o tempo, diz "te amo" sem saber o tamanho do que isso significa.
Diz que não é criança, tem vergonha de ser, e depois se arrepende, quer voltar, viver tudo de novo, raramente mantém as amizades.
  • A criança que existe dentro de você nunca morre, cabe a você decidir quanta liberdade ela terá nos seus atos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e sinta-se abraçado (=